Fale com o Farmacêutico

MOVE™

Move™ é um ativo de origem natural, padronizado e patenteado, que contém no mínimo 20% de AKBA (Acetyl-11-keto-β-boswellic acid) biodisponível, substância responsável por inibir a produção da enzima 5-lipoxigenase, fundamental no processo de inflamação das articulações. Estudos comprovaram as propriedades anti-inflamatórias deste ativo, melhorando a dor e a qualidade de vida do paciente de forma segura e natural. Nestes estudos, foi observada uma melhora significativa nos níveis de dor e funções físicas em pacientes com osteoartrite, em apenas 5 dias após o início do tratamento.

A osteoartrite é uma doença articular degenerativa, popularmente conhecida como artrose ou osteoartrose, sendo a doença articular mais prevalente entre os idosos. Causada por um desequilíbrio entre a construção e a destruição dos constituintes da cartilagem, está associada principalmente a sobrecarga mecânica, alterações bioquímicas da própria cartilagem, e fatores genéticos. É uma patologia crônica e progressiva.

  • Ações
    • Anti-inflamatória;
    • Promove a inibição da 5-lipoxigenase;
    • Inibe TNF-α;
    • Reduz a dor e o desconforto articular. 
  • Vantagens
    • Produto de origem natural, não pertencente a classe dos anti-inflamatórios não esteroidais;
    • Não apresenta ação a nível hormonal;
    • Não atua sobre a COX-2 – ausência de contra indicações relacionadas;
    • Non-GMO (não geneticamente modificado);
    • Garantia de procedência e padronização por ser um ativo patenteado.
  • Mecanismo de ação

Move™ inibe de maneira eficaz a enzima 5-lipoxigenase, enzima essa envolvida diretamente na síntese de mediadores inflamatórios. Essa inibição bloqueia síntese dos leucotrienos, controlando a inflamação e melhorando seus sintomas. Move™ controla a inflamação sem causar os efeitos colaterais da maioria dos anti-inflamatórios, que agem através da inibição da enzima ciclo-oxigenase. Move™ atua também através da inibição de TNF-α, importante citocina pró-inflamatória de presença fundamental na osteoartrite, sendo responsável pela ativação de linfócitos, estimulação da liberação de enzimas proteolíticas pelos macrófagos e produção de outras citocinas inflamatórias como a IL-6 e IL-13.

Referências

KRISHNARAJU, A. V. et al. Safety and Toxicological evaluation of Aflapin: A novel Boswellia derived anti-infammatory product. Toxicology Mechanisms and Methods. v. 20, n. 9, p. 556-563, 2010.

SENGUPTA, K. et al. Comparative Efficacy and Tolerability of 5-Loxin and Aflapin Against Osteoarthritis of the Knee: A Double Blind Randomized, Placebo Controlled Clinical Study. International Journal of Medical Sciences. v. 7, n. 6, p. 366-367, 2010.

SENGUPTA, K. et al. Cellular and molecular mechanisms of anti-inflammatory effect of Aflapin: a novel Boswellia serrata extract. Molecular and Cellular Biochemistry. v. 354, p. 189–197, 2011.

VISHAL, A. A. et al. A Double Blind, Randomized, Placebo Controlled Clinical Study Evaluates the Early Efficacy of Aflapin in Subjects with Osteoarthritis of Knee. International Journal of Medical Sciences. v. 8, n. 7, p. 615-622, 2011.

 

 

Fale com o Farmacêutico

Comentários: